CARICATURAS AO VIVO - ZEL HUMOR . O MELHOR DA CARICATURA EM SUA FESTA ...

CARICATURAS AO VIVO - ZEL HUMOR . O MELHOR DA CARICATURA EM SUA FESTA ...
CLIQUE NA IMAGEM É SAIBA MAIS ...

terça-feira, 27 de novembro de 2012

LIVRO SAUDOSAS PELEJAS DE WESLEY MACHADO - Lançamento

Centenário do Campos, o Roxinho, contado em livro de Wesley Machado



Saudosas Pelejas – A História Centenária do Campos Athletic Association'
O livro “Saudosas Pelejas— História Centenária do Campos Athletic Association” do jornalista Wesley Machado será uma das obras lançadas na 7ª Bienal do Livro de Campos, que começa nesta sexta-feira (23/11) e se estenderá até dois de dezembro. O maior evento literário do interior do Estado do Rio de Janeiro acontece no Centro de Eventos 


Populares Osório Peixoto (Cepop).   
“Saudosas Pelejas”, que está em sua 2ª edição revisada e ampliada, será lançado na terça-feira (27/11), às 19 horas. O livro, que foi pré-lançado nas comemorações do centenário do clube no dia 21 de outubro deste ano, ganhou mais 32 páginas – agora são 192 - de fichas técnicas, fotos e histórias.
Publicado pela Grafimar, o livro tem apresentação de Afonsinho, articulista da “Revista Carta Capital” e prefácio de Péris Ribeiro. A capa foi feita pelo artista plástico Fernando Luiz e a diagramação coube ao designer Enockes Cavalar. “Saudosas Pelejas” teve colaboração de Eduardo Ribeiro e Wilson Carlos, respectivamente, na escrita e na complementação da pesquisa.
O lançamento do livro gera grande expectativa para o escritor, mas principalmente para os apaixonados por futebol e pela leitura, que terão os próximos dez dias voltados à literatura.  
“A expectativa de lançar o livro na Bienal é grande, pois é um evento em que por 10 dias muitas pessoas mergulham no mundo da literatura. Mesmo que de maneira efêmera, a cidade se volta para a literatura. Mas acredito que sempre alguma coisa fica e é uma maneira de abrir os olhos das pessoas para a importância de comprar livros, de ler. A Bienal é um evento de grande porte, com repercussão até nacional, e será uma boa vitrine para minha recente carreira de escritor”, afirmou Wesley.
O escritor contou algumas histórias que o leitor vai encontrar no livro. "Em 'Saudosas Pelejas' o leitor vai se deparar com histórias como a de Crisolino, jogador chamado o 'preto de alma branca', expressão do mais puro preconceito. O jogador raspava a cabeça e passava graxa para a careca brilhar. Detalhe que o Campos sempre foi um time formado em sua maioria por negros. Foi fundado por negros e mulheres. Uma coisa incomum à época, no início do século 20", disse Wesley. 
Ele adiantou também outras histórias, como, por exemplo, a do jogo dos três gols contras. "Neste jogo, o Campos fez seis gols, sendo três contra. E a partida terminou empatada em 3 a 3. Tem também o caso do assassinato de um ex-jogador do Campos, entre outras histórias curiosas", revelou o Wesley. 
Para quem quiser adquirir um exemplar de "Saudosas Pelejas", o livro será vendido no dia do lançamento e ficará disponível para venda em livrarias do Brasil inteiro e on-line pelo site "Livros de Futebol".
SOBRE O ESCRITOR “Saudosas Pelejas— História Centenária do Campos Athletic Association”, que teve sua primeira edição lançada em 21 de outubro deste ano, não foi o único trabalho do jornalista Wesley Machado. 
No final de 2011, Wesley já havia tido a crônica de sua autoria, "O palito de churrasco", selecionada no 2° Concurso de Crônicas Alvinegras do Botafogo de Futebol e Regatas, time do coração dele.  A crônica foi publicada no livro "A Magia do 7", editado pela Editora "Livros Ilimitados" e lançado na sede do clube, em general Severiano.
7ª BIENAL DO LIVRO DE CAMPOS Com o tema “Leitura que muda o mundo”, a 7ª Bienal do Livro de Campos, homenageia os 90 anos da Antropofagia, o centenário de Jorge Amado, Alberto Lamego, Luiz Gonzaga e Osório Peixoto.
Ao todo, serão 4 mil m² com a expectativa de um fluxo de 10.000 pessoas por dia, que terão a oportunidade de participar de diversas atrações como oficinas e palestras com Muniz Sodré, Maria Colasanti, Frei Betto, Thalita Rebouças, Laura Muller, Jairo Bouer, Mv Bill, Antônio Carlos Secchim, Joel Rufino, Marcelino Freire, Ziraldo, Rildo Hora, Carlinhos de Jesus, Daniel Gonzaga e Elba Ramalho.
Para esta está sétima edição, as novidades ficam por conta do espaço do professor, para a realização de minicursos e produções literárias, e o espaço para os artistas locais. Como nas Bienais anteriores, se mantiveram os espaços do Botequim Literário, Leituras na Caverna, Café Literário e Espaço Jovem. 
22  de Novembro de 2012 


Fonte : http://www.ururau.com.br/esporte24123

Nenhum comentário:

Postar um comentário